Manacapuru recusa projeto Ilumina+ Amazonas para iluminar a cidade

 Manacapuru recusa projeto Ilumina+ Amazonas para iluminar a cidade 

 


 

Recusa pode ter relação com as eleições. É que o projeto é do governo Wilson, contra o qual o prefeito da cidade faz oposição

O município de Manacapuru está se recusando a receber projeto do Governo do Estado que prevê instalar e modernizar a iluminação pública da cidade.
 
Trata-se do programa Ilumina+ Amazonas que já chegou à maioria dos municípios amazonenses.
 
Por enquanto, apenas Manacapuru, na região metropolitana de Manaus, e Fonte Boa, a quase 700 quilômetros da capital, se negam a receber a melhoria.
 
Mas a demora em aceitar o projeto pode ter relação com as eleições. É que os prefeitos dessas cidades, Beto Beto D’Ângelo (Manacapuru) e Gilberto Lisboa (Fonte Boa) fazem oposição ao governo Wilson Lima (UB), responsável pelo Ilumina+ Amazonas. Mais que isso: apoiam Eduardo Braga (MDB), adversário de Wilson neste segundo turno.
 
Mas o projeto começou a ser executado no primeiro semestre, antes da campanha política. Lançado, grande parte dos municípios procurou o governo, mostrando interesse no programa.
Manacapuru e Fonte Boa precisaram ser provocados.
 
Por exemplo, Manacapuru foi informado do projeto no dia 4 de agosto, mas não respondeu.
 
Outro ofício foi enviado ao município na semana passada, dia 7, mas, quase uma semana depois, a prefeitura local não manifestou interesse.
 
A Prefeitura de Fonte Boa foi provocada no dia 6, também na semana passada, mas também não respondeu.
Em Manacapuru, o projeto prevê a instalação de 5,5 mil lâmpadas, todas LED. Já Fonte Boa receberia 1,5 mil luminárias.

Postar um comentário

0 Comentários