Funeral do ex-governador Amazonino Mendes terá início na tarde desta quinta-feira ( 16/02 ), no Teatro Amazonas

 

Funeral do ex-governador Amazonino Mendes terá início na tarde desta quinta-feira ( 16/02 ),no Teatro Amazonas
 
 

Despedida no Teatro Amazonas contará visitação aberta ao público, acesso da imprensa e homenagens de autoridades

 

O Governo do Amazonas preparou estrutura e efetivo estadual para as últimas homenagens ao ex-governador do Amazonas Amazonino Armando Mendes. O funeral, em respeito à trajetória política de Amazonino, terá início na tarde da quinta-feira (16/02), às 17h, no hall do Teatro Amazonas,  com abertura para visitação do público, acesso da imprensa e homenagens de autoridades. Às 14h, será realizada uma solenidade reservada aos familiares. 


Para a realização da solenidade, o Governo do Amazonas disponibilizará tendas para formação de fila de visitação do público, ambulâncias, equipes de enfermagem e do Corpo de Bombeiros e agentes das forças de segurança pública, que atuarão nas imediações. 

 

Servidores do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas) organizarão as filas de visitação, e haverá distribuição de água coordenada pela Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama), com apoio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar). 


Programação 


Após o traslado de São Paulo ao Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, na quinta-feira, o corpo de Amazonino Mendes será conduzido, em carro fúnebre, até o Teatro Amazonas, com chegada ao local prevista para meio-dia e meia.  


As primeiras homenagens no Teatro Amazonas terão início às 14h, sendo reservadas para a família do político, homenagens das autoridades. 


A visitação do público iniciará, às 17h, da quinta-feira, seguindo até às 5h da manhã do sábado (18/02), em regime de 24 horas. No entanto, para ter acesso ao funeral na madrugada do último dia é necessário estar na fila até meia-noite de sábado. 


Na manhã de sábado, será realizado, às 8h, culto reservado à família, seguido pela solenidade de honras militares. A saída do cortejo acontecerá às 9h, com passagem pelo Palácio Rio Negro, na Avenida Sete de Setembro; primeira unidade da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), situada na avenida Leonardo Malcher; Sede do Governo, Avenida Brasil, e segue para solenidade de cremação reservada à família. 


Acesso para população 


A fila de acesso ao funeral será formada na lateral do Teatro Amazonas, com entrada pela porta da lojinha, ao lado da rua José Clemente, e saída pela porta da bilheteria (jardim do teatro). 


A população que for ao local, também vai poder acompanhar o funeral a partir de dois telões posicionados no Largo de São Sebastião, com transmissão ao vivo pela TV Encontro das Águas. 


Imprensa


Os veículos de comunicação terão uma área reservada dentro do Teatro Amazonas, situada ao lado esquerdo da entrada principal, com tempo de permanência de 10 minutos por veículo. Na quinta-feira, o acesso da imprensa ao velório será a partir das 17h, até às 19h. Já na sexta-feira (17/02) será permitida a entrada das equipes em três horários durante o dia, sendo: das 6h às 8h; 11h às 13h e último das 17h às 19h. 


No sábado, a imprensa ficará concentrada na lira, com acesso pelo lado da rua Dez de Julho, para acompanhar as honras militares e saída do cortejo.


Trajetória política  


Natural do município de Eirunepé, Amazonino Mendes tinha 83 anos de idade. Em sua longa carreira política foi Senador da República, prefeito de Manaus por três mandatos e quatro vezes governador do Estado. O político amazonense faleceu no domingo (12/02), vítima de complicações de saúde, em São Paulo, onde estava internado.

Postar um comentário

0 Comentários